top of page
  • radiometropolitana24

Por que pedimos a intercessão de São Bento contra o mal?



Neste dia 11 de julho, celebramos o dia de São Bento, padroeiro da Europa e patriarca dos monges.


Sua vida foi dedicada à oração, meditação e aos diversos exercícios para a santidade. O italiano da cidade de Umbria nasceu em 480, realizou os primeiros estudos na região de Nurcia, próximo à cidade de Spoleto. Depois foi morar em Roma para estudar filosofia.


Aos poucos, Bento foi se tornando um grande eremita (que vive em lugares desertos em oração, silêncio e sacríficio) e ficou três anos em isolamento. Após ser descoberto por religiosos locais, o monge passou a receber muitas visitas que procuravam conselho e pediam orações.


Testemunho de combate ao mal


O eremita se tornou assim um grande exemplo de santidade e muitas pessoas queriam seguir sua vocação, tanto que foi chamado para ser o abade (superior) do convento de Vicovaro.


Aceitou o convite, mas descobriu que os monges ali não viviam integralmente o seguimento de Cristo, formando uma antipatia vinda dos religiosos do convento. O cúmulo foi uma criminosa tentativa de matá-lo com veneno.


Mas, quando Bento abençoou a taça de vinho envenenada com o sinal da cruz, como fazia com todos os alimentos que comia, ela se quebrou.


São Bento usava com frequência o Sinal para vencer as tentações. Utilizava como forma de proteção, salvação e afirmação da vida e obra de Jesus. O sinal da cruz era recomendado por ele a todos que estivessem passando por alguma aflição ou tentação maligna. Uma cruz era o selo dos monges na carta de sua profissão quando não sabiam escrever. Surgindo assim, o costume muito antigo, de representá-lo com uma cruz na mão.


Devoção a São Bento

São Bento morreu no ano de 547, aos 67 anos. Algumas de suas relíquias estão no Mosteiro de Monte Cassino e outras na abadia de Fleury, na França. São Bento foi canonizado no ano de 1220 e sua festa é comemorada no dia 11 de julho.


Na devoção popular, São Bento é invocado para o combate contra as forças do mal. A medalha não deve ser usada como um amuleto da sorte, mas deve ser um sinal de fé. Muitos católicos têm a tradição de orar ao Santo com a medalha nas mãos, em frente à porta da casa, para pedir a proteção do lar, e também nas portas dos quartos, para que todos os que ali moram sejam livrados das forças do maligno e de suas aflições diárias.

Oração a São Bento para pedir proteção contra os perigos

Oh, glorioso São Bento, modelo sublime de todas as virtudes, depósito puro da graça de Deus! Eis-me aqui, humildemente prostrado diante de ti. Imploro ao teu coração cheio de amor, para que intercedas por mim diante do trono de Deus.

A ti recorro em todos os perigos que me rodeiam. Protege-me dos meus inimigos, do mal inimigo em todas as suas formas, e inspira-me a imitar-te em todas as coisas.

Que tua bênção esteja comigo sempre, de modo que eu possa fugir de tudo que não for agradável a Deus e evitar, assim, as oportunidades do pecado.

Docemente eu te peço que consigas de Deus os favores e graças de que eu tanto necessito nas provas, misérias e aflições da vida.

Teu coração sempre esteve tão cheio de amor, compaixão e misericórdia aos aflitos ou àqueles com problemas de qualquer tipo.

Tu nunca te despediste sem consolo ou ajuda a qualquer pessoa que tenha recorrido a ti. Portanto, invoco tua poderosa intercessão, na esperança que tu escutarás minhas orações e me concederás a graça especial em favor do que eu tão seriamente te imploro (FAZER O PEDIDO), se for para glória de Deus e para o bem de minha alma.

Ajuda-me, oh grande São Bento, a viver e morrer como filho fiel de Deus. Que eu seja sempre submisso à Sua santa vontade, a fim de alcançar a felicidade eterna do céu.

Amém.


8 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page