• Luís Fernando Oliveira

Deserto, o lugar do essencial

O que é o deserto? Como vivê-lo neste período da quaresma? Segundo Papa Francisco, "o deserto é também o lugar do essencial".


Cidade do Vaticano - Padre Arnaldo Rodrigues

“Cheio do Espírito Santo, voltou Jesus do Jordão e foi levado pelo Espírito ao deserto, onde foi tentado pelo demônio durante quarenta dias. Durante esse tempo ele nada comeu e, terminados esses dias, teve fome. (Lc 4,1)”O deserto pode ter um significado tanto literal como figurado. No sentido literal, recordamos  quem já esteve em um deserto, que é arido, seco e muito exigente. É um lugar de silêncio e de provações físicas.


Quando transportamos esse cenário para a nossa vida espiritual e cotidiana, podemos viver tambem momentos de deserto com provações, mas também com a manifestação da providência divina.Diante deste período que já avança, que é a quaresma, podemos nos perguntar: o que é o deserto? Como vivê-lo?Nos textos bíblicos, encontramos a palavra midbar, traduzida como deserto. A palavra hebraica dabar é construída a partir da raiz d-b-r cujo verbo significa falar. A palavra hebraica midbar, traduzida como deserto, é na verdade "o lugar da palavra", o lugar onde a palavra de Deus, a Bíblia, foi comunicada a Israel.


Embora fale do deserto, ele é apresentado como árido, mas não como uma terra seca e estéril.O deserto simboliza a hostilidade, que na Bíblia representa a ocasião em que Deus põe a prova o seu povo, afim de aperfeicoá-lo (Sl 78; 95, 107). Isto serve para nos recordar que a nossa vida esta totalmente nas mãos do Senhor, e que neste mundo hostil dependemos exclusivamente Dele para sobreviver. No deserto tambem é lugar de ver a presenca protetora de Deus sobre o seu povo e de louva-lo pelo seu grande poder soberano, como demonstrou Débora: "Senhor, quando saístes de Seir, quando surgistes dos campos de Edom, a terra tremeu, os céus se entornaram, as nuvens desfizeram-se em água, abalaram-se as montanhas diante do Senhor, nada menos que o Sinai, diante do Senhor, Deus de Israel!” (Jz 5, 4-5).Se o deserto parece um lugar seco e  cheio de desafios, vemos também que ali podemos encontrar vida, pois Deus tudo pode transformar para satisfazer as necessidades de seus filhos:

“Alegrem-se o deserto e a terra seca, dance o chão duro, florido como a palma. Que se cubra de flores, dance e comemore, pois Deus lhe deu o esplendor do Líbano, a beleza do Carmelo e do Saron. Eles hão de ver a glória do SENHOR, a majestade do nosso Deus (Is 35,1-2).”Como cristãos, somos convidados a seguir Cristo em todos os seus caminhos, e isso implica também esta forte experiência de deserto, que segundo o Papa pode ser vivido também dentro das grandes metrópoles. O deserto nao é um desejo de solidão longe das pessoas, mas é um momento privilegiado para escutar a voz de Deus, conhecer-nos mais e consequentemente abrir-nos mais ao próximo.O deserto, sobretudo neste periodo da quaresma, é a oportunidade de nos colocarmos totalmente nas mãos de Deus, aprendendo a confiar mais na sua providência . É o momento de escutar mais a sua Palavra e deixa-la brotar em nossos corações. Neste periodo da quaresma, quando fores seguir Jesus no deserto, lembre-se que Deus quer encher o teu coração com a sua presenca e o seu amor, à medida que tua fraqueza respeitar a solidão e perseverar na oração. Não tenhas medo de seguir Jesus, veràs que “o deserto é também o lugar do essencial” (Papa Francisco).

“Sigamos Jesus até esses desertos: com Ele os nossos desertos florirão. Entremos nesses desertos com Jesus, e saborearemos a Páscoa, a força do amor de Deus que renova a vida (Papa Francisco).”


Fonte: https://www.vaticannews.va/pt/igreja/news/2020-02/o-deserto.html

Fotos: Silvana Rodrigues

0 visualização

© 2023 por Nome do Site. Orgulhosamente criado com Wix.com

telefones

Tel. (34) 3312-5271

(34) 3312-9298

Cel. 99676-0458

  • Instagran da Metropolitana
  • Facebook Social Icon

VISIte-nos

A Rádio Metropolitana está situada à Alameda Dona Leopoldina, 25 - Bairro Mercês.

Uberaba - MG - Brasil.

Horário de Funcionamento:

De 2ª a 6ª, das 7h às 12h e 14h às 18h. Aos sábados, das 8h às 12h.

https://www.radiometropolitana.org.br

-  2019 -

Produzido por Publica na Rede (34) 9.9927-6275